Futsal de Primeira

Futsal BR: Amandinha decide, Leoas da Serra vencem e levam o Mundial Interclubes

23 de junho de 2019 às 12:59:29


Após devolverem a derrota por 3 a 1 no tempo normal, brasileiras contam com dois gols da melhor do mundo e triunfam por 2 a 1 na prorrogação. Foi a primeira edição da competição

O roteiro não poderia ser mais perfeito. Depois de perder por 3 a 1 para o Atlético Navalcarnero na Espanha, as Leoas da Serra, da craque Amaninha, precisavam vencer o rival no tempo normal e na prorrogação neste domingo, no ginásio Jones Minosso, em Lages (SC), para conquistar a primeira edição da Copa Intercontinental. No tempo normal, 3 a 1 para as brasileiras, gols de Greice (dois) e May - Maria Navarro descontou. Na prorrogação, o Atlético saiu na frente num gol contra de Greice, mas Amandinha, sempre ela, virou para as Leoas, garantindo o troféu com uma vitória por 2 a 1 no tempo extra e 5 a 2 no placar agregado. Festa catarinense num Jones Minosso lotado.

Greice abre o placar no início

O Atlético iniciou a partida com uma marcação adiantada, dificultando as ações das brasileiras. Aos dois minutos, Bruna Franklin teve grande chance de marcar, mas a goleira Duda Suchek fez grande defesa. Refeito do susto, o time brasileiro respondeu da melhor maneira. Após triangulação de passes, Greice chutou de longe e a bola foi morrer no fundo do gol depois de um desvio na zaga.

O gol motivou as Leoas da Serra, que passaram a dominar as ações do jogo. Diana e Amandinha tiveram chances para ampliar nos minutos seguintes. Aos seis, a melhor jogadora do mundo avançou pela esquerda e serviu Luiza, dentro da área. A camisa 8 deu um toque leve, e a veterana Tiga por muito pouco não desviou para o gol. Aos 10, Diana arrancou pelo meio e tocou rasteiro. A goleira Estela Garcia conseguiu desviar para escanteio.

Quatro minutos depois, Giy recebeu lançamento longo de Greice e bateu na rede pelo lado de fora. A mesma Giy foi quem teve ótima oportunidade aos 17. Após aproveitar um chutão para frente dado por Diana, ela penetrou sozinha, mas finalizou em cima de Estela. O Atlético só voltou a assustar aos 18. Numa tabela rápida do ataque espanhol, Letícia Sanchez ficou sozinha para concluir, porém Duda Suchek fez a defesa. No último lance de perigo do primeiro tempo, Petuxa bateu da entrada da área para mais uma intervenção de Estela.

Leoas ampliam a vantagem

Veio o segundo tempo, e a partida seguiu com o mesmo panorama. Aos dois minutos, Amandinha infernizou pela ala-direita a chutou cruzado. Estela rebateu no susto. Aos quatro, as Leoas da Serra chegaram ao segundo gol. E mais uma vez com Greice, em novo chute de fora da área. Os dois gols de desvantagem fizeram o Atlético sair mais para o jogo. Com isso, o time brasileiro aproveitou o maior espaço para marcar o terceiro. Após linda jogada pela esquerda, Amandinha bateu cruzado, e May desviou para a rede.

Mesmo com o placar adverso, o Navalcarnero não desistiu do jogo. Aos 12, a goleira Juba - que entrou no lugar de Duda Suchek - fez grande defesa em conclusão da brasileira Ariane. Jogando com goleiro-linha, o time espanhol diminuiu aos 14, com Maria Navarro. Aos 17, Amandinha puxou contra-ataque e serviu Tiga. Estela Garcia saiu da meta para dividir com a pivô brasileira e evitar o gol.

Um minuto depois, Greice evitou o que seria o segundo gol do Atlético, ao salvar em cima da linha uma bola chutada por Maria Navarro. Aos poucos, os time foram diminuindo o ritmo, poupando energia para a prorrogação. No último lance de perigo do segundo tempo, Maria Navarro dominou na área, mas foi desarmada no momento do arremate.

Amandinha decide na prorrogação

A primeira chance no tempo extra foi do Atlético Navalcarnero, com Letícia Sanchez. Pouco depois, Bruna Franklin chutou da entrada da área, e Juba fez defesa milagrosa. Aos dois minutos, Greice tentou interceptar um passe e marcou contra: 1 a 0 para as espanholas. Não deu tempo nem de comemorar. Segundos depois, Amandinha aproveitou rebote de bola no travessão e empatou o jogo. O gol da virada veio nos segundos finais do primeiro tempo. Após receber de Giy, a melhor do mundo só teve o trabalho de estufar a rede.

O segundo tempo foi regado à emoção. Aos três minutos, Letícia Sanchez esteve perto de empatar, mas Juba salvou as Leoas mais uma vez. Lançando-se todo ao ataque, o Atlético foi para o tudo ou nada nos minutos finais. Atuando com goleira-linha, a equipe espanhola não conseguiu furar a defesa brasileira, que tratou de garantir o resultado.

Leoas da Serra: Duda Suchek, Amandinha, Diana, Greice e Giy. Entraram: Luiza, Tiga, Rúbia, Bella, Petuxa, Bebel, May, Juba e Jhennif. Técnico: Anderson Machado (Esquerda).

Atlético Navalcarnero: Estela Garcia, Ariane, Letícia Sanchez, Bruna Franklin e Amelia Romero. Entraram: Marta González, Ana Sevilla, Gaby Vila Real e Maria Navarro. Técnico: Andres Sanz.

 

Fonte: Flávio Dilascio e Roberto Veloso — Direto de Lages, SC / Foto: Fom Conradi/Leoas da Serra

 

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .