Futsal de Primeira

Futsal BR: SporTV recorda título do Pan de 2007

15 de maio de 2020 às 18:44:30


Fonte: André Camargo, Flávio Dilascio e Renan Wance • Rio de Janeiro | RJ

Há 13 anos, o Brasil goleava a Argentina por 4 a 1 no Rio e conquistava o ouro na única vez em que o futsal esteve presente nos Jogos Pan-Americanos. O ponto alto daquela decisão foi o golaço de Falcão com direito a chapéu humilhante no goleiro argentino com menos de um minuto de jogo. O clássico disputado no dia 28 de junho de 2007, no Riocentro, é o sétimo episódio do Especial SporTV Futsal. A partida será reexibida neste sábado, às 11h, no SporTV.

– O Pan foi muito importante para o futsal porque a gente mostrou a nossa força, foi sucesso de público e acendeu uma esperança para que a modalidade ficasse de vez no Pan e entrasse na Olimpíada. Pena que não teve continuidade, mas a nossa parte a gente fez – disse Falcão, que balançou a rede duas vezes naquela final.

 

Como o futsal entrou no Pan

Tudo começou no dia 27 de julho de 2003, quando a Organização Desportiva Pan-Americana (Odepa) acatou pedido do Comitê Organizador da Rio 2007 para incluir o futsal no cronograma daqueles Jogos. Por ter sido disputado na mesma arena do Riocentro que abrigou o torneio de handebol, as partidas foram realizadas em uma superfície sintética, e não no tradicional piso de madeira.

Além de Brasil e Argentina, participaram do torneio de futsal da Rio 2007 as seleções de: Paraguai, Equador, Estados Unidos, Cuba, Costa Rica e Guatemala. O Brasil fez cinco jogos no Rio e venceu todos. Na primeira fase, vitórias sobre Guatemala (4 a 1), Cuba (8 a 0) e Paraguai (2 a 0). Classificada na primeira colocação do grupo A, a seleção canarinho goleou a Costa Rica por 8 a 1 na semifinal.

Divulgação

Falcão com a medalha de ouro do Pan-Americano de 2007

Do outro lado, a Argentina chegou à decisão com uma campanha bem menos convincente. Principal seleção do grupo B, o time hermano estreou com uma vitória por 5 a 2 nos Estados Unidos e depois empatou em 1 a 1 com a Costa Rica. A classificação só foi obtida na terceira rodada com um 5 a 0 sobre o Equador.

Na semi, os argentinos tiveram mais uma batalha árdua contra os paraguaios. Após empate em 1 a 1, as equipes decidiram a vaga nas penalidades, com vitória dos hermanos por 4 a 3.

Clique AQUI – Pivô Marquinho comenta importância do ouro do futsal na Rio 2007 –

Passeio brasileiro na final

Na decisão, a seleção albiceleste mal viu a cor da bola. Logo a um minuto, Falcão abriu o placar num gol antológico com direito a chapéu no goleiro Mandayo. Aos 11, o mesmo Falcão ampliou, definindo o placar do primeiro tempo em 2 a 0.

No segundo tempo, Vinícius deixou o Brasil bem perto do ouro ao fazer 3 a 0 aos cinco minutos. Aos 14, Amas ainda diminuiu, mas Marquinho fechou a conta a um minuto do fim. Festa brasileira no pavilhão 3B do Riocentro.

Dentre os campeões, boa parte estaria no elenco que conquistaria o mundo em 2008. Casos de Falcão, dos goleiros Tiago e Rogério, do fixo Ciço, dos alas Gabriel e Vinícius, e dos pivôs Betão, Lenísio e Marquinho.

Outros nomes conhecidos que estavam no grupo eram os do fixo Neto – que se machucou um pouco antes da Copa do Mundo de 2008 -, e do ala/pivô Valdin, que acabou ficando de fora da convocação final. Assim como no Mundial do ano seguinte, o técnico brasileiro na Rio 2007 foi PC Oliveira.

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .