Futsal de Primeira

Futsal Mundo: Viña Albali Valdepeñas elimina Levante UD FS e entra na final da LNFS

27 de junho de 2020 às 12:35:04


Viña Albali Valdepeñas ganhou o passe para a final do Play Off Express pelo título da liga após vencer o Levante UD FS na última semifinal (2-5). David Ramos se classificou pela primeira vez em sua história para a final em sua estreia no Play Off com os gols da dupla de Catela, Vulture, Chino e Rafael Rato. O sorteio azul será medido no final da próxima terça-feira a partir das 15:30 horas (GOL e LaLigaSportsTV) para o Movistar Inter para se proclamar Campeão da Liga Nacional de Futsal.

Viña Albali Valdepeñas e Levante UD FS foram medidos na segunda semifinal do Play Off pelo título. Uma partida entre duas debutantes nesta rodada da competição que começou com abordagens tímidas para ambas as traves. Cainan de Matos, autor do meia-passagem de Viña Albali Valdepeñas, disparou as duas primeiras oportunidades claras dos locais aos 40x20 de Martín Carpena, a primeira com um arremesso cortado e a segunda com um taconazo que saiu esfregando o gol ocupado por Raúl Jiménez.

Do time comandado por Diego Ríos, Jorge Santos foi o autor de uma das primeiras ocasiões do Levante UD FS na partida com um chute alto no quinto minuto de jogo. No entanto, Viña Albali Valdepeñas que vinha insistindo mais foi quem conseguiu assumir a liderança no placar através de Catela. O jogador do Cádiz, que estava ausente das quartas de final por pênalti, aproveitou o roubo e o serviço de Rafael Rato para vencer Raúl Jiménez com um tiro cruzado. Segundos depois, David Ramos transformou o segundo da tarde no Martín Carpena quando Rafael Rato tirou dentro da área um saque de banda.

O início corante do Esquadrão Azul obrigou Diego Rios a pedir a morte por tempo, uma mordia que serviu novamente para ativar o Levante UD FS na partida com mais ocasiões no gol defendido por Edu Sousa com vários chutes a meia distância de Pedro Toro ou Cuzzolino. A mais clara das granotas veio no sétimo minuto da partida através da conexão argentina entre Cuzzolino e Maxi Rescia que concluiu com o arremesso esfregando a madeira do gol visitante. Segundos depois, a associação argentina se repetiu, que estava prestes a terminar com um gol de 8 Levante UD FS. Edu Sousa, então, fez sua primeira grande aparição no encontro, parando o poderoso tiro de Rubi Lemos em duas mãos em uma nova ocasião do Levante UD FS.

Após dois minutos de cerco da equipe valenciana, Viña Albali Valdepeñas conseguiu controlar a bola e, assim, controlar a partida. No equador da primeira metade da partida, Nano quase chegou ao terceiro com duas boas chances de gol. Minutos depois foi Abutre quem o buscou com um grande voleio, no entanto, Raúl Jiménez, muito atento, limpou seu arremesso no canto. No entanto, o Levante UD FS voltou para a partida transformando o pênalti de Pedro Toro em Cuzzolino faltando pouco mais de quatro minutos para o término dos primeiros vinte minutos. Edu Sousa teve que intervir na próxima ação para evitar o gol de Túlio em uma nova ocasião de perigo das granotas.

Uma bola envenenada de Cainan de Matos depois que um centro de Cuzzolino estava prestes a entrar no fundo da rede de Viña Albali Valdepeñas. O ele do Levante UD FS encheu de confiança os de Diego Rios que novamente insistiu em buscar um novo ambos. Mas Vulture, que roubou a bola, virou um gol contra ele faltando oito segundos para o fim do primeiro tempo.

Os 20 minutos iniciais começaram com o Levante UD FS voltado para o ataque em busca de um pouco que lhes permitisse diminuir a distância no placar. Cuzzolino, o homem mais ativo no sorteio local, teve uma oportunidade clara logo no início do segundo período. Minutos depois, Cecilio se juntou ao ataque com um chute que saiu esfregando a vara. Enquanto isso, Viña Albali Valdepeñas rapidamente cobrou com falta acumulando o quinto, quando apenas dois minutos e meio do segundo período tinha transcorrido.

Os jogadores de Diego Rios que foram dominadores da partida, contando com seus melhores momentos de toda a competição prestes a marcar o segundo, mas a madeira do gol fora de casa repeliu o chute de Cuzzolino. Aos seis do segundo tempo, Juanan cometeu a sexta falta de sua equipe, porém, Cuzzolino não conseguiu ver uma porta do ponto de dez metros batendo a bola contra o bastão mais uma vez. Prestes a superar os últimos dez minutos de jogo, Edu Sousa colocou uma mão salvadora para evitar o gol de Cecilio na mão com o Córdoba. Com tal insistência, o segundo gol logo veio marcando Maxi Rescia 2 a 3 atrás de uma parede com Pedro Toro na linha de fundo.

Faltando seis, Jorge Santos perdoou o empate, já que com tudo a favor acabou mandando o esférico para fora. Com a desvantagem no placar, o Levante UD FS arriscou goleiro-jogador, mas o roubo de Chino permitiu que os visitantes ampliassem a distância com três para ir até o final. A poucos segundos do fim, Rafael Rato colocou o snap para a partida conseguiu certificar o passe para a final do Play Off Express para o título em sua primeira participação neste torneio..

Fonte: Assessoria LNFS

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .