Futsal de Primeira

Futsal RS: Ginásio vazio e lanterna: O que o América mudou em dois anos?

17 de julho de 2019 às 10:38:31


O ano de 2019 não iniciou muito diferente dos últimos em Tapera. O América perdeu jogadores para equipes da Liga Nacional, não renovou com alguns jogadores do elenco e contratou jovens promessas do Futsal Nordestino. Porém, a participação do público diminuiu e o desempenho do clube não vem sendo o mesmo dos últimos anos.

2017

Para isso, comparamos com dois anos atrás, quando no dia 16 de julho de 2017, o América venceu a ABELC em Boa Vista do Buricá por 7 a 4 com uma grande atuação de Walex (hoje no Magnus/SP), Silva, Raul e Cleber (hoje no Atlântico/RS) e Douglas (hoje no Taubaté). Aquela tinha sido a sexta vitória em 11 jogos da equipe, que naquele momento tinha marcado 41 gols e sofrido 33. No jogo seguinte, no dia 23 de julho, o América recebeu a ATCEL e mesmo com a sensação térmica de 2 graus, o público foi de 412 pessoas. 

2019

Hoje, o América com um elenco bem diferente daquele de 2017, mesmo após uma bela campanha em 2018, não tem o mesmo apoio do público que foi o maior da Liga Gaúcha em 2018 (no jogo contra a Uruguaianense com mais de 2.400 pagantes). 

O ano de 2019 começou com uma reunião da diretoria para avaliar a temporada. O clube publicou nota ainda no final de 2018: "Como a prefeitura municipal, que era o maior patrocinador do time, não cumpriu a promessa de aportar R$ 130 mil por ano, este valor foi bancado pela própria diretoria. Caso o clube não encontre outra forma de renda, poderá ser decidido não mais participar das competições adultas". 

Na primeira partida oficial do ano, no dia 6 de abril, pela Copa dos Pampas, o América recebeu a ASIF e perdeu por 2 a 1. A torcida compareceu, inclusive com a sua banda. Mas seria difícil imaginar que aquele seria o maior público do ano. Na partida seguinte em sua casa, o América venceu a ALAF, porém a partida teve a presença de apenas 83 torcedores.

A equipe encerrou a Copa dos Pampas ainda com chances de classificação na última rodada, porém em oito jogos teve duas vitórias, quatro empates e duas derrotas. Mesmo com o pior ataque (13 gols) da competição, a equipe teve destaque por possuir a melhor defesa (13 gols sofridos), com o promissor goleiro Bruno Caixa. 

A Liga Gaúcha de Futsal começou e o clube perdeu jogadores importantes que iniciaram a temporada e se transferiram para outras equipes, como Matheus Gaúcho (para o Passo Fundo Futsal) e Matheus Neto (para o São Lourenço). O América tem o pior desempenho dos 11 times que disputam a competição, com 13% de aproveitamento. Em cinco jogos foram dois empates, três derrotas e nenhuma vitória. Na última rodada, novamente o público foi pequeno e o América acabou perdendo para ALAF em Tapera por 4 a 3, com gol faltando poucos segundos para o fim. O resultado levou o time para a lanterna. 

Hora da virada

O América segue treinando e espera contar novamente com o torcedor, que foi tão importante nos últimos anos, para virar a chave e se recuperar no campeonato. O próximo jogo em Tapera será no dia 27 de julho em um clássico contra a ASIF de Ibirubá. 

Fonte: Pedro Borghetti  - Invadindo a Área / Foto: Arquivo/Marcelo Ricardo/Radio Cultura.

 

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .