Futsal de Primeira

Liga Futsal: Atlântico vence o Foz pela Liga Nacional de Futsal

01 de junho de 2019 às 21:50:14


Em noite de superação na marcação, time de Erechim mantém sequência de vitórias antes de sair para três jogos fora de casa

Pela Liga Nacional de Futsal (LNF), o Atlântico se despediu momentaneamente do seu torcedor, na noite deste sábado, 1º. Isso porque, fará na sequência, três partidas fora de casa. Mas antes de viajar, vitória com goleada sobre o Foz Cataratas, por 5 a 0.

O placar também mantém a equipe entre os primeiros colocados na tabela de classificação da primeira fase da LNF. Para o treinador Giba, é hora de saber dosar a euforia. “Quando se ganha, normalmente nem tudo está certo, como quando se perde, nem tudo está errado. É preciso saber avaliar e entender que ainda temos um longo caminho dentro da competição”, frisou.

Ele também disse que o placar deste sábado foi importante para a sequência longe de Erechim. “Teremos confrontos muito fortes pela frente. O objetivo era somar o máximo de pontos possíveis nos últimos jogos, foram sete em nove disputados, acredito que a gente está no caminho certo”, ponderou.

O jogo deste sábado ainda marcou a estréia do pivô Barbosinha, que entrou na segunda etapa. Foi a volta dele a vestir a camisa do Galo, ele que no início da carreira chegou a jogar pela equipe de Erechim.

O jogo

Atlântico e Foz Cataratas começaram um jogo mais equilibrado. O Foz chegou a arriscar-se no ataque, mas viu Careca fazer duas boas defesas e impedir a abertura do placar nos minutos iniciais.

Depois foi a vez do Galo ir para o ataque e aos poucos criar oportunidades importantes. Até que aos 8min21, Gessé recebeu pela esquerda e concluiu para fazer 1 a 0 Galo. Já aos 19min13, foi a vez de Amadeu recebeu na intermediária e disparar contra “um petardo” contra Henrique, 2 a 0 Galo.

Na etapa final, o Galo passou a administrar o jogo, porém sempre exercendo forte marcação e não correndo tantos riscos. A partir dos 14min, o treinador Cigano passou a colocar o Foz Cataratas atuar com goleiro linha

A pressão que deveria acontecer, teve efeito contrário. Com marcação perfeita, o Atlântico não apenas segurou o ímpeto adversário, como também foi ampliando o placar. Primeiro através de Silva. Depois com Allan. E para fechar o placar em 5 a 0, Lucas deixou sua marca.

Esta ação integra o projeto Atlântico Futsal Campeão, que é financiado pelo Governo do estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Esporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte.

Fonte:  Edson Castro - PrimeCom

 

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .