Enquanto aguarda a retomada da normalidade das atividades dentro das quadras, fora delas a organização da LNF se movimenta em prol do fortalecimento da competição na temporada em que completa 25 anos de existência. Em parceria fechada essa semana com a TV Brasil, a Liga Nacional de Futsal volta a ser apresentada em TV aberta para todo o território nacional, o que não acontecia há mais de uma década.

Paulo Sauer

ACBF e Jaraguá são os maiores vencedores da LNF

 

“Voltar a ter os jogos transmitidos na TV aberta democratiza ainda mais o futsal, pois atinge a um público que não acompanha pela TV a cabo e, também não tem o hábito de assistir ao jogo pelo streaming. Desta forma conseguimos ter um ciclo completo de transmissões, em todas as regiões do país e adequada ao perfil de diversos segmentos da população. O alcance da LNF aumenta muito, pois a abrangência de uma emissora como a TV Brasil engloba não só grandes centros, como também o interior do país”, comenta Alexandre Rollin, coordenador de comunicação e marketing da LNF.

Além da TV Brasil, em 2020 a LNF terá transmissões pelo SporTV, canal fechado, e novamente pela internet, através da LNFTV. O consumidor que tiver acesso aos três modos de operação poderá desfrutar de todos os jogos do torneio. A chegada da TV Brasil é um acréscimo não somente a quem está sentado no sofá de casa.

Guilherme Mansueto

Ricardinho, técnico do Magnus

 

“Para nós é um estímulo gigantesco. Cada vez que aumenta o público, aumenta a nossa responsabilidade em levar o futsal e o entretenimento para quem está assistindo. Para as empresas que apoiam o esporte, isso também é fundamental para a modalidade, pois estimula a capacidade de investimento de patrocinadores. Parabéns também à TV Brasil”, afirma Ricardinho, técnico do Magnus, finalista da edição em 2019 e campeão da Liga como jogador.

Opinião parecida tem o colega Marquinhos Xavier, campeão pela ACBF e hoje à frente da Seleção Brasileira. “Recebo com alegria e parabenizo a iniciativa da diretoria da LNF. É uma descentralização das transmissões e que dá maior alcance. O futsal está ganhando maior oportunidade de mostrar nosso trabalho. O interior do Brasil é o principal mercado do futsal. Ações como essa pulverizam a modalidade. Acho um enorme passo essa parceria com a TV Brasil. Vai valorizar a imagem de todos, profissionais, clubes e patrocinadores.”

Ulisses Castro

Marquinhos Xavier, técnico da Seleção Brasileira

 

Na mesma ideia de raciocínio está Sérgio Lacerda, técnico do Pato, atual bicampeão da competição. “Vejo com bons olhos pois aumenta a visibilidade do esporte e melhora para todo o segmento. É um grande impulso para o crescimento da modalidade e para atrair mais patrocinadores também.”

O horário dos jogos transmitidos pela TV Brasil será às 11h da manhã, aos domingos. A aposta de todos os envolvidos é que o ganho seja geral. Aos 25 anos, a LNF é um produto consolidado, organizado e que mesmo em um período de crise mundial, dá um passo importante na ampliação do seu campo de atuação.

“Parabéns a LNF, é de suma importância para o público apaixonado pelo futsal. Quanto mais conseguirmos levar o esporte a mais pessoas, melhor. E principalmente porque atinge o interior. Precisamos levar o futsal até as crianças porque ele traz alegria, agrega e abre possibilidades de futuro”, discursa Ricardinho. Para Marquinhos Xavier, a oportunidade com a abertura de mais uma porta significa ampliar o compartilhamento de informações da modalidade que supera até mesmo o futebol em número de praticantes pelos quatro cantos do Brasil.

“Serve de estímulo para que as coisas cresçam ainda mais e para que as pessoas possam observar o nível de disputa. Até a modalidade acadêmica fica mais próxima da modalidade em busca de respostas de quem estuda o jogo. Para nós treinadores, é algo muito benéfico pois aumenta a visibilidade. O futsal é o esporte mais praticado no país”, completa.

A expectativa é geral pela volta da disputa. Quem atua de tênis com a bola nos pés ou nos gabinetes pensando em melhorar a Liga, a parada imposta pelo coronavírus não significa parar de trabalhar. Pelo contrário, assim como nos momentos decisivos de uma partida, a dificuldade pode se transformar em oportunidade.

“Sob a visão de negócio, a LNF cresce a cada edição, aumentando sua arrecadação e patrocinadores. Fruto do aumento do seu alcance aos diversos perfis de público que se identificam com o futsal. Com a transmissão de 100% dos jogos já em 2020, a tendência é que este crescimento siga evoluindo cada vez mais”, encerra Rollin.

Mauricio Moreira

Sérgio Lacerda, técnico bicampeão da LNF pelo Pato

 

Não há dúvida que a modalidade cresce no país, a LNF se consolida como organização e se reinventa no momento de crise. Todos estão na torcida para que não somente o esporte, mas a vida volte à normalidade. “Quem não é visto não é lembrado. Em TV aberta a visibilidade vai ser maior não somente para nós treinadores, mas para os jogadores e para todos que vivem do futsal”, garante Lacerda.

Como preparação para a temporada 2020, a TV Brasil começará a exibir, a partir deste domingo, reprises de grandes jogos da última temporada. O primeiro confronto será Corinthians x Jaraguá, domingo às 11h.

Fonte: João Paulo Fontoura - LNF