Futsal de Primeira

LNF: Arrancada parecida com 2021

09 de junho de 2022 às 11:47:03


Djony foi eleito o melhor goleiro do mês de maio. Foto: Guilherme Mansueto

A primeira fase da LNF 2022 chega praticamente na metade depois de cumpridas dez rodadas. Neste momento, a liderança isolada da competição é do Magnus, três pontos à frente do segundo lugar ACBF. Os números do time treinado por Ricardinho chamam a atenção até agora. Mas além deles, o cenário também, pois o torcedor sorocabano recorda algo parecido na edição 2021.

Curiosamente o primeiro lugar será defendido na próxima rodada justamente com quem acabou com ela ano passado. Naquela oportunidade, o São José bateu o então campeão por 4 a 2. Uma vitória que interrompeu uma sequencia de 19 meses e 28 partidas sem deixar a quadra derrotado. Até então, a última vez havido sido no ano anterior na final para o Pato, campeão da temporada 2019.

“É parecido sim pelo momento, mas naquela edição no início da pandemia eram três chaves e agora a gente joga contra todo mundo. Acho que esse período de invencibilidade que estamos vivendo da uma confiança, mas sabemos que isso à vezes é ilusório. Estamos brigando é pela primeira posição. Isso é o mais importante para trazer os mata mata para dentro de casa. A gente que joga há bastante tempo não se ilude com a invencibilidade”, garante o experiente goleiro Djony.

A dezena de jogos de invencibilidade tem dois empates e oito vitórias, sendo as cinco últimas de forma consecutiva alcançando um aproveitamento de 86%. O time tem o melhor ataque com 37 gols marcados e a segunda melhor defesa com 12 gols sofridos, dois a mais do que a da ACBF. No mês de maio, Djony foi eleito o melhor jogador da posição. Ele analisa o atual momento da equipe.

“Jogar uma LNF tão equilibrado e já chegar na metade da primeira fase jogando até clássicos e ainda sem perder é muito importante para a gente. Ratifica o nosso trabalho e melhora o clima para trabalhar. Repito que não podemos nos iludir. Temos que melhorar para conseguir o bicampeonato”, completa.

É comum ouvir dos envolvidos na competição que ela muda de figura a partir dos Play Offs. Pela campanha que faz, o finalista das três últimas edições da LNF estará lá e brigando para voltar a levantar o caneco. Se será invicto como foi em 2020, tem menor relevância. Até lá, há um longo caminho a percorrer. O próximo passo é no sábado, o São José, equipe que encerrou o período de invencibilidade do Magnus em 2021 com uma vitória de 4 a 2. Um trecho que o torcedor laranja deseja alterar nessa espécie de dejavu.

Rafael Moraes

Equipe está invicta na LNF 2022. Foto: Rafael Moraes

 

Fonte: João Paulo Fontoura - LNF

 

 

 

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .