Futsal de Primeira

SC: Rio do Sul voltará a ter time de futsal

15 de fevereiro de 2021 às 18:47:22


Participação na Série Ouro 2021 foi confirmada após Clube e Liga Catarinense acertarem os detalhes da franquia

Rio do Sul terá novamente um time profissional disputando a série Ouro da Liga Catarinense de Futsal. A notícia foi confirmada após a diretoria do clube e o presidente da liga acertarem os detalhes da aquisição da franquia.

A notícia também foi confirmada pelo superintendente da Fundação Municipal de Desportos (FMD) Jeberton Fermino em entrevista ao Diário do Alto Vale que disse no entanto, que para que o projeto de fato se concretizasse seriam necessárias parcerias com empresas privadas.
A capital do Alto Vale não tem um time profissional desde 2014 e Jeberton revela que a volta era um dos objetivos para 2021. “O futsal é uma paixão e Rio do Sul já teve grandes projetos. A iniciativa pública e iniciativa privada estão se unindo, um grupo de pessoas que querem fazer uma associação e tem interesse de resgatar o futsal masculino na cidade”.

Ele comenta ainda que a quadra da cidade hoje não é do tamanho oficial, mas a construção de um novo ginásio deve iniciar em breve. Para o retorno da modalidade Jeberton afirma que é preciso fomentar o resgate ao futsal adulto. “Base tem diversos locais em toda a cidade, com professor. Agora precisamos realmente buscar recursos com a iniciativa privada”, disse.

Já em relação ao incentivo do poder público para esta volta, ele declarou que o prefeito José Thomé já colocou à disposição um recurso fixo para a modalidade e promete ajudar de várias outras formas. “A nossa contrapartida vai ser um ginásio municipal, iluminação, fisioterapia, bola, material e o transporte que soma cerca de oito mil quilômetros para todos os jogos da equipe a partir do momento em que ela se inscrever, o que já gira em torno de R$ 30 mil só de transporte”, disse.

A partir de agora eles intensificam as conversas com a iniciativa privada e esperam que parcerias sejam fechadas. “Estamos torcendo, trabalhando para isso, avaliando uma empresa de Rio do Sul ou região que possa aportar recursos e incentivar o futsal em Rio do Sul. As pessoas têm um sonho de fazer a modalidade e resgatar um projeto, mas não adianta só colocar no papel, é preciso ter investimento, uma quantia em dinheiro em conta para iniciar ou se acontece algum problema sempre acaba sobrando para o Poder Público e isso precisa estar bem alinhado”, conclui.

Com esse planejamento e orçamento inicial, Jeberton acredita que o público passe a prestigiar os jogos e mais pessoas sejam incentivadas a apoiar o time, dar patrocínio para consolidar ainda mais o projeto.

Time teria “casa nova”

O time de futsal profissional em Rio do Sul poderia contar em breve com uma “casa” completamente nova. A licitação para o novo ginásio será lançada nos próximos dias e a ordem de serviço deve ser assinada. “Já está aprovado na Caixa Econômica Federal e temos todas as liberações. Será um ginásio de 2.100 lugares, uma arena com quadra de tamanho oficial que seria 40×20. É um ginásio dentro da nossa realidade até porque não adianta fazer uma coisa muito grande e não conseguir manter. Essa estrutura será feita junto com o Centro de Eventos que já tem uma estrutura que facilitaria a execução que vai custar cerca de 7 milhões que virão de emenda parlamentar e do próprio município”, finaliza.

Fonte:  Helena Marquardt / Diário Alto Vale

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .