Futsal de Primeira

SC: Fio Martins fala sobre sua saída do Lages Futsal

15 de julho de 2021 às 08:48:59


Em entrevista ao site LagesOnline, um dos grandes atletas da história do futsal lageano, FIO Martins, comenta que está se desligando do Lages Futsal e, até mesmo, das quadras, dando um tempo para se dedicar aos estudos e principalmente a família.

O Pai da Alice pretende ter um tempo a mais na relação, não somente com a filha, mas também para sua Mãe, irmã, cunhado, pessoas com quem dividiu seu tempo, entre treinos, jogos, viagens e, principalmente, o tempo que morou fora.

Emocionado, Fio destacou a ausência do seu pai, falecido a cerca de três meses. “Perdi meu maior fã, o meu maior torcedor, o cara que ia me ver atuando nas quadras, perdi a pessoa que me apoiou desde a infância” comentou.

Além disso, Fio está cursando Direito, profissão que quer seguir no futuro.

O Craque lageano começou no futsal muito cedo e, aos 15 anos, já estava jogando no Joinville, também na Unisul, onde foi campeão da Taça Brasil, Chapecoense, Videira onde foi vice campeão estadual, no Balneário Camboriú, Caçador, Jogou por equipes do Rio Grande do sul, sempre pela série Ouro, principal divisão do gauchão. Série Ouro também disputou no Paraná, pelo Francisco Beltrão. Em Lages, Fio destaca que jogou no time do coração, o Inter de Lages Futsal, do Nelsão e do Jânio, na ACBV do sgto Pacheco, no Caça e Tiro e no Lages Futsal, onde faz questão de frisar o presidente Lessandro, o Tio Lê, pessoa e profissional que se destaca pela seriedade e honestidade no trabalho à frente do time lageano.

Em uma passagem pelo futebol Sete, jogou no Avaí por 3 temporadas e no São José, onde inclusive disputou o mundial da categoria, em Buenos Aires na Argentina, onde ficaram entre os 4 melhores do planeta, perdendo para o México na semifinal.

Ele faz um agradecimento especial a imprensa esportiva lageana, que sempre acompanhou seu trabalho .

Das quadras, Fio disse que não sairá tão fácil, pois terá competições citadinas e regionais, com certeza. Para voltar a disputa do profissional, somente se a proposta for muito boa e que possa equilibrar, futsal e família e estudos.

Fonte/Foto: Nilton Wolff - Lages Online / Arte: Robert Oliveira

Compartilhar notícia
Futsal de Primeira informa: .